O que você está procurando?

quinta-feira, 21 de março de 2013

Julieta - Anne Fortier

Não são apenas duas famílias. 
Ele não cometeu suicídio
Ela se matou, por fidelidade.
E se a história escrita por Shakespeare, 
fosse verdade?


Desde que comecei minha caminhada literária, Julieta foi um dos livros mais incríveis que já li. Ganhei de aniversário no ano passado, e por motivos escolares (na verdade por causa dos livros que somos obrigados a ler na escola), demorei um pouco para começar a história.
Mas antes de fazer meus comentários pessoais, vamos ao enredo.


Julie Jacobs e sua irmã gêmea nasceram em Siena, mas moram nos Estados Unidos, com sua tia Rose, que as adotou após seus pais terem morrido em um trágico acidente. Mas a morte repentina da tia muda de vez a vida da jovem. Porém este é apenas o prólogo de uma grande aventura.
Enquanto Janice, a irmã, herda toda a fortuna de Rose, Julie fica apenas com uma carta, supostamente escrita pela falecida, que a manda direto para sua cidade natal, onde de acordo com os escritos da tia, um tesouro, deixado pela mãe, à aguarda. E além disso, o bilhete revela que o verdadeiro nome de Julie, é Giulietta Tolomei.
A viagem para Siena acontece rapidamente, mas Julie -  ou Giulietta - não acredita que sua tenham guardado para ela algo tão valioso. Teoricamente, realmente não guardaram.
O tesouro trata-se, além de alguns outros itens sem valor, de um antigo diário, que Julie começa a ler sem muitas expectativas. Mas as folhas da antiga obra, revelam muito mais do que a vida de um Frei comum, elas contam, em detalhes, a verdadeira história de Romeu e Julieta - melhor dizendo, de Romeo Marescotti e Giulietta Tolomei.
Isso mesmo, Julie Jacobs é descendente direta da Julieta de Shakespeare.
Mas como isso pode?
A obra de Anne Fortier nos leva em uma viagem alucinante. Não só ela narra como surgiu a inspiração para o mais famoso conto de Shakespeare, como cria toda uma história baseada nele. Uma maldição. 

Seu eu pudesse ficaria aqui por horas apenas escrevendo sobre todas as experiências que passei durante o período da leitura. Mas é bem possível que se eu escrevesse mais uma linha, revelaria fatos que não devem, de maneira alguma, serem tirados da surpresa.
Julieta é um romance incrível! De segredos inimagináveis e revelações estrondosas. Capaz de mudar conceitos. Capaz de fazer uma pessoa se isolar do mundo apenas para se deliciar com suas palavras.. ;)
   
Anne Fortier é extremamente detalhista, você consegue sentir o cheiro e a briza dos cenários MARAVILHOSOS da história.

Foi uma das obras que mais me causou aquela típica depressão pós-livro. É aquele sentimento bem órfão. Como se fosse impossível sobreviver sem a companhia dos personagens fantásticos do livro.
SUPER RECOMENDO!!!

SOBRE A AUTORA E A OBRA

Anne Fortier nasceu na Dinamarca, e mudou-se para os EUA para trabalhar com cinema. Julieta é sua obra de estréia, e levou cerca de três anos para ser escrita. Com a ajuda da mãe e muita pesquisa, o livro foi lançado em 2010, e tornou-se sucesso em dezenas de países.
"Em seu excelente romance de estréia, Anne Fortier navega por entre pistas falsas e reviravoltas, e o resultado é uma história de amor que poderíamos chamar de O Código Da Vinci para mulheres inteligentes e modernas."  - Publisher's Weekly
Em 2013 Anne lança seu próximo projeto, The Sisterhood (A Irmandade), que conta a história de Diana Morgan, uma especialista em mitologia grega que, com um grande interesse nas grandes mulheres guerreiras,  vai até a Europa, entrando em uma busca por uma Irmandade secreta e por tesouros que foram guardados desde os dias da Guerra de Troia. Ansiosa ou não?


   Site do livro>> AQUI
   Site da autora>> AQUI
   Página no Facebook>> AQUI

   Dados Importantes>>
   Título: JULIETA
   Autor: Anne Fortier
   Ano: 2010
   Assunto: Literatura Estrangeira - Romance
   Páginas: 448

   Algumas outras edições de Julieta>>




Trailers (em inglês):



Bom, é isso.
Espero ter expressado bem minha admiração tanto pelo livro, quando pela Anne. ♥♥
##Favorites##


Um comentário:

  1. Nunca tive muita curiosidade nesse livro, mas não duvido que se trate de uma leitura relevante. Comparando com as outras edições, a capa nacional está bem bacana.

    Beijos!

    ResponderExcluir