O que você está procurando?

sexta-feira, 31 de maio de 2013

O Destino do Tigre - Colleen Houck


Honra. Sacrifício. Amor.
Poderia o fim de tudo levar à um novo começo?





Com três profecias da deusa Durga solucionadas, agora resta apenas uma no caminho de Kelsey, Ren e Kishan para que a maldição seja quebrada. Mas o maior desafio do trio os aguarda: A busca pelo último presente de Durga – A corda de fogo – na Ilha Barren situadas na Baía de Bengala. Uma busca que ameaçará suas vidas. É uma corrida contra o tempo e o malvado feiticeiro Lokesh – neste ansiosamente aguardado quarto livro da série A Maldição do Tigre – colocará o bem contra o mal, testará laços de amor e lealdade, e , finalmente, revelará o verdadeiro destino do Tigre, de uma vez por todas. 







E lá vamos nós.
Digo com a maior sinceridade que talvez esta seja a resenha mais difícil até agora. 
E sobre os críticos moralistas que censuram as séries Y.A., que engulam seu próprio veneno e engasguem com sua língua afiada. As palavras a seguir desconhecem qualquer tipo de literatura significativa ou de interpretação complicada. As declarações a respeito da obra em questão são de uma pessoa em estado de profunda Depressão Pós-livro. Talvez a pior até hoje.

Por que seria uma resenha difícil? Imagine tocar uma ferida quando ela acabou de ser criada, quando o calor do objeto que a desenhou ainda se encontra lá de tão recente. Pois é.

Eu não conseguiria em termo algum explicar a aflição e a angústia pelas quais passei enquanto navegava nas páginas de 'O Destino do Tigre'. Como mencionei na resenha do volume anterior, a série tem uma qualidade crescente. Este quarto livro foi, sem dúvida, o mais sufocante de todos. O mais abrasador. O mais claustrofóbico. O mais dolorosamente incrível.

Tudo bem, estas parecem as falas de um masoquista. Mas sério, quem é que gosta de uma história onde tudo sempre acontece da melhor maneira possível, heim? Ao menos eu, não.

Fico me segurando para não deixar escapar nenhuma brasinha que revele os segredos de ' O Destino do Tigre'. Mas já deixo bem claro para quem acompanha a série: Prepare-se! Fisicamente e psicologicamente. Cuidado para não perder sua sanidade.

Não irei me prender tentando explicar como os acontecimentos se discorreram até agora, isso já foi bem delineado nas resenhas anteriores. Como já dito na sinopse, nesta quarta busca Kelsey e seus dois tigres estão procurando a Corda de Fogo, o último item do qual precisam para quebrar a Maldição do Tigre. Mas eles irão se deparar com algo muito maior que um simples feitiço que deve ser anulado, o futuro de nosso querido trio vai muito, muuuuito além do que eles imaginavam até o momento.

Novas criaturas místicas nos agraciaram com sua presença. A Fênix é nosso símbolo nesta aventura - a que tem seu fim, porém renasce das chamas. E é exatamente no renascimento que este volume se apoia. Assumir dores, fazer escolhas irrevogáveis, conformar-se com o destino que nem sempre é perfeito.

Aquela coisinha que sempre me fez amar a série do Tigre - o nível super high de conhecimento - não está tão presente (eu disse TÃO, isso não quer dizer que não exista) no ''Destino''. Desta vez o drama toma frente e te faz de gato e sapato. Por muitas vezes quis entrar lá dentro e dizer poucas e boas para certos personagens, esbofetei o livro, mentalmente tomei atitudes por eles, e me virei contra indivíduos que eu adorava. 

Tia Colleen se superou, viu? Esperei minha vida para ler este livro, e agora que terminei não sei o que fazer com ela (a vida). 

Sobre os defeitos do livro... 
Não sou uma crítica (não sou MESMO!), e sei que talvez minha simpatia com a série possa estar interferindo, mas sabe o que é você não achar nenhuma falha, por mais mínima que seja, em uma história? Não tem mais tanta coisa melosa (sim, tem, mas não tanta). Tudo se ligou muito bem no fim das contas, não houveram fiozinhos soltos no tapete que te dessem deixa para questionar "Mas é...?". Coisas que eu havia até me esquecido foram esclarecidas. Surpresas MUITO inesperadas aconteceram. 

Nossa, por que é tão difícil expressar isso em palavras?
Acho que o que quero dizer é que AMEI! AMEI, AMEI, AMEI, AMEEEEEEEI!!!!

Já deixo claro (o que não considero spoiler, por que é algo extremamente óbvio) que tudo acaba em um cor-de-rosa final feliz. É... Tenho um probleminha com os felizes para sempre... Na maioria das vezes existe um preço a pagar, além de outros detalhes entediantes que relatarei em outra oportunidade.

MAS EU AMEI! AMEI, AMEI, AMEI!

Apesar de ter ficado mega triste com algumas coisas que eu via caminhos menos dolorosos para terem acontecido. Mas faz parte do conflito (mesmo eu ainda estando em estado de choque).

Os livros da série do Tigre, principalmente este quarto, foram uma linda e mágica experiência. Tive contato com culturas completamente diferentes, e vários de meus conceitos foram alterados. A maneira como passei a ver certos lugares está completamente diferente de alguns meses atrás. Só tenho a agradecer muito a Colleen (tudo bem, sei que isso é insignificante, mas preciso agradecer) - e esperar ansiosamente que 'O Sonho do Tigre', provável último livro, seja um projeto concretizado.

E se existe alguém que ainda quer condenar esta série tão maravilhosa, olha, respeito sua opinião. Mas que tal ir ler um Alan Poe e se atormentar com o obscuridade das narrações dele?

Minhas palavras se esgotaram.

MAS EU AMEI! AMEI, AMEI, AMEI!

Dados Importantes>>
Título Original: Tiger's Destiny
Autor: Colleen Houck
Editora Nacional: Arqueiro
Páginas: 395

RESENHAS ANTERIORES DA SÉRIE:


   

Noss, tô triste mesmo, viu?

E então, vamos voltar para a triste realidade onde eu continuo no Brasil e meus únicos inimigos são as provas no fim do ano e o preço das obras literárias.
Como eu queria estar na Índia!
Bjk.

5 comentários:

  1. Ohhhhhh Pois é amiga, passei por essa depressão há um tempinho... Confesso... como viver sem meus Tigres agora? O que fazer da vida? Bom o "Destino" me levou a picos de tensão emocional...como vc disse, e por MUITAS vezes entrei no livro mentalemnte para estapear alguns... E por essas e outras que a Colleen Houck é minha musa! Amo essa mulher gente!!! Foi de longe a melhor série que li... até agora. hihihi , Olha a traição... (mas vamos deixar claro, os anos vão passar, mas SEMPRE vou amar meus TIGRES!)
    Boa volta a realidade para vc flor, e acalme-se... há esperança no fim do túnel ahhahahah
    Beijos Beijos
    Keila Gon

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Musa sim!
      A Colleen se tornou uma das minhas escritoras favoritas!!!
      E voltar à realidade... Tá difícil heim!? rsrs
      bjk, Rafa ♥

      Excluir
  2. Olá!
    Já estava com vontade de ler essa série, depois da sua resenha elogiando tanto... Fiquei com mais vontade ainda! :)
    Estou seguindo, e li seu recado no skoob.
    Meu blog é sobre moda, mas também falo sobre livros e literatura de vez em quando. Se puder retribuir...
    http://learningtobesimple.blogspot.com.br/
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Yasmim,
      leia sim, é uma série incrível!!!
      Já estou seguindo seu blog,
      bjk ♥

      Excluir
  3. Oiiii
    Tem tag para você lá no blog...

    http://osamantesdaleitura.blogspot.com.br/2013/06/tag-alfabeto-literario.html
    http://osamantesdaleitura.blogspot.com.br/2013/06/meme-na-minha-estante.html

    Beijos
    Tífy

    ResponderExcluir